Flutuações

Guardo-me no silêncio do corpo, último lugar onde me prendo, aguardando pelo vento que me percorrerá os desertos, que agitará os arvoredos. Deixo que o destino siga de mãos dadas com o tempo, companheiro de sempre em estradas perdidas no mar dos meus desejos. Guardo as letras numa gaveta fechada, palavras não pronunciadas no gemido dos dias que que arrastam em gotas que resvalam dum olhar preso no horizonte.

Bem no fundo deste abismo, escondo-te como tesouro, como último e derradeiro momento de prazer, como resquício de paixão que em meus olhos flutua, tábua de salvação que de naufrágio ressurgiu. Teu corpo, praia deserta que recebe minha alma perdida. Teu amor, o abraço terno que me reanima. Guardo nos manuscritos antigos a formula com que criei o teu corpo de desejo, pronuncio teu nome para que ganhes vida, ofereço-te a minha mão para guiar teu destino.

Nesta atmosfera primordial, onde as essência se fazem de corpos gasosos, somos apenas luz, disforme que se agita em danças perdidas nos tempos antigos. Envolvemos nossas cores e formamos arco-íris de prazeres que os corpos nem sonham existir. Fluímos em rios de mel, que se derramam em oceanos de luxúria, ondas que adormecem em praias desertas onde somos simplesmente palmeiras entrelaçadas olhando o dia a adormecer.

26 comentários:

Cris - Canto de Contar Contos disse...

Amigos nunca são demais...
Quanto a esse poema belíssimo, queria ter esta capacidade de calar os sentimentos, mas algumas coisas doem tanto que gritamos.
bj grande!

Olhos e pensamentos disse...

"Guardo-me no silêncio do corpo, último lugar onde me prendo, aguardando pelo vento que me percorrerá os desertos, que agitará os arvoredos. Deixo que o destino siga de mãos dadas com o tempo, companheiro de sempre em estradas perdidas no mar dos meus desejos." Que isso!!!! assim vc me mata...q lindo, profundo, sedutor, sonhador...e era apenas o começo..morri

Olhos e pensamentos disse...

"Guardo-me no silêncio do corpo, último lugar onde me prendo, aguardando pelo vento que me percorrerá os desertos, que agitará os arvoredos. Deixo que o destino siga de mãos dadas com o tempo, companheiro de sempre em estradas perdidas no mar dos meus desejos." Que isso!!!! assim vc me mata...q lindo, profundo, sedutor, sonhador...e era apenas o começo..morri

Olhos e pensamentos disse...

posso linkar no meu blog, BPM? vou fazer agora, ok?http://bpmmeucoracaobate.blogspot.com/

Luciana P. disse...

Uma prosa poética fantástica, impecável, sde sensibilidade e beleza tocante.
Parabéns pela inspiração!

Beijos e uma ótima quarta pra ti!

Olhos e pensamentos disse...

MENCIONEI VC NO MEU POST HJ, DÁ UMA CONFERIDA
http://olhosepensamentos.blogspot.com/


Também, hj vc tocou muito em mim..tá em dois dos meus tres blogs

Olhos e pensamentos disse...

MENCIONEI VC NO MEU POST HJ, DÁ UMA CONFERIDA
http://olhosepensamentos.blogspot.com/


Também, hj vc tocou muito em mim..tá em dois dos meus tres blogs

Olhos e pensamentos disse...

MENCIONEI VC NO MEU POST HJ, DÁ UMA CONFERIDA
http://olhosepensamentos.blogspot.com/


Também, hj vc tocou muito em mim..tá em dois dos meus tres blogs

~*Rebeca e Jota Cê *~ disse...

E olhar o dia amanhecer sempre revigora nossas forças, nossas esperanças. A luz do dia alimenta a felicidade que dança num ritmo feito por nós.

Abraço, querido amigo.

Rebeca

-

angela disse...

Você sempre me põe a sonhar, começo ler e meu pensamento foge para alguma lembrança boa e tenho que me esforçar para voltar e terminar a leitura que será interrompida muitas ezes pela minhas lembranças e sensações. Uma arte essa sua escrita
beijos

MagyMay disse...

Gostei muito do que li... preencheu-me!
E a escolha musical...na perfeição!

Rosangela Cunha disse...

Flutuando...
Como Zeca Pagodinho:
Deixa a vida me levar!
E que leve, para um
levissímo lugar!

Beijos e magias, sempre!

anabelarmina disse...

Bem no fundo deste abismo, escondo-te como tesouro, como último e derradeiro momento de prazer, como resquício de paixão que em meus olhos flutua, tábua de salvação que de naufrágio ressurgiu.

Teu amor, o abraço terno que me reanima.

Envolvemos nossas cores e formamos arco-íris de prazeres que os corpos nem sonham existir. Fluímos em rios de mel, que se derramam em oceanos de luxúria, ondas que adormecem em praias desertas onde somos simplesmente palmeiras entrelaçadas olhando o dia a adormecer.

dá para imaginar como tudo seria belo.a magia que nos faz sonhar acordados.beijo

Silvana Nunes .'. disse...

Mui belo. Parabéns !
saudações Florestais !

Érica disse...

Flutuar é o que faço diariamente. Carregada por palavras lindas e doces, poéticas de carinho e cumplicidade. Preciso agora de pés no chão, e toque das mãos.
Beijos

E.Rakowski disse...

Deixe que as almas sintam o
doce aconchego neste
bailado de cores,
segredos e sonhos!!!





Um abraço com rosas..

T I N I N disse...

Aiiiiiiiiiiii que linnnnnnndo....
adoro ler tudo que escreve, sabia...eu viajo em suas palavras deliciosas... e ainda por cima ao som do Sting...Afffffffffff
Sou tua fã!
Beijo
*ahhh, suas palavras no meu Blog sobre o corpo da mulher... lindasssssss, amei!

Luciana disse...

Olá vim conhecer teu Blog pelo Blog da Luciana, gostei muito.
Bjs e uma boa noite

Layara disse...

Teus pensamentos emergem das profundas sensações e criações...
Criador e Criatura
Historia e conto
Encanto...Mel de cana-de-açucar,corpo esculpido com dedos de desejos...
Letras com nuances de saudades,guardadas na Alma,guardadas nos dias...
Dedos entrelaçados
Acordam um novo dia.

[lindas,inebriantes,"encantante"...rssss. essa inventei...adoro tudo que termina com "ante", emocionante]

Beijos de Luz!

Elaine Barnes disse...

Flutuei pelos rios de mel embalada nas belas palavras. Muito romantico! Obrigada pela visita no meu blog. Gde bjo amigo

JR disse...

Se pudéssemos viver a FLUTUAR ,certamente que não mais iríamos querer CAMINHAR.
Mas como ainda estamos em terra FIRME, voltamos a jogar todos no mesmo TIME.
Abraços

Moonlight disse...

Flutuações....acabamos por ser flutuações daquilo que mais desejamos e esperamos em nossas vidas.
Umas vezes temos o prazer de dancar no tempo real...outras apenas dançamos em "danças perdidas nos tempos antigos..."
Apenas luz!!!Magnifico!

Um bj com luar

Angel disse...

Sentimentos que ficam a flutuar no Sonho...muito bom e tenho que te dizer também que a frase que tens no twitter é linda..um dia com muitos Sonhos para ti...

lia disse...

Consegues sempre desenhar sonhos a quem te lê. És um poeta.

Moni disse...

todos deveriam ser assim, se guardar e deixa o destino guiar... seria menos doloroso! bjks

Macaires disse...

A tristeza sempre finda para que a felicidade tenha um novo recomeço e para que não esqueçamos como ela é boa!