Como um rio

Sigo na margem do rio, que flui em longos deslizes de água fresca, sigo o ritmo da correnteza em caminhar sereno pela vereda. Vejo os peixes saltarem, querendo voltar rio acima. Vejo as árvores passarem no ritmo deste caminho que sobre meus pés desfila. Na garganta da rocha afiada, vejo o tumulto das tuas águas, que se elevam e agitam, que fervilham de vida. Vejo os pássaros que em voos picados tentam colher do rio o seu sustento.

Paro para molhar minhas mãos, em teu corpo fluido, em teu pedaço de mar. Deixo a corrente passar, como carícia que por meus braços desliza. Sinto a força do teu querer, como se quisesses meu corpo ser. Sinto a transparência do teu olhar que no meu vem adormecer. Contornas-me o corpo imerso, segues por todos os meus poros, preenches todos meus detalhes e lavas todas as minhas penas, antes de seguires o teu curso.

Mergulho em ti, como peixe que contra corrente quer chegar à nascente, onde a água é mais dormente, mais cálido o teu abraço, mais suave o teu querer. Nado, com a força do meu espírito, como pássaro que em perfeito equilíbrio paira sobre o teu corpo de rio, fluido. tomas-me e levas-me, embalado na tua força, como folha de árvore amarelecida. Levas-me na tua vida, para o estuário, onde em branco sudário nas areias me depositas.

Música para este texto

36 comentários:

Chica disse...

Nossa!Quanta beleza por aqui sempre!beijos,lçindo dia,chica

filipa disse...

adorei +.+

Xan disse...

Adorei sua visita,já estou te seguindo, bjsss Xan

paula barros disse...

Os seus textos são rios de emoção.

E seja o todo do rio, ou os afluentes de frases e trechos, nos inunda de belezas e sentimentos bons.

Utopia do ♥ disse...

Adoro.*

Babizinha disse...

Obrigada por visitar meu, blog. Esteja sempre a vontade.

Adorei teus escritos: descrições minunciosas cheias de antíteses, identifiquei-me bastante.

Sucesso, já te sigo.

;*

A Itinerante - Neiva disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
sopro, vento, ventania disse...

esse fazer poético, do qual nos apropriamos, é muuuuito bom.
Sua prosa-poética, repleta de imagens, prova isso de forma magnífica.
mil mundos em uma única pena.

obrigada demais pela visita ao meu blog.

Nina disse...

Mais um texto extraordinariamente bonito. Os meus parabéns!
bji

Mónica disse...

Só quero mais tempo para mim, ando tão cansada :| Mas não quero viver metade de um dia, foi um desabafo, de como quem diz " se eu tivesse mais tempo para..."

Gostei imenso da A magia da noite, não conhecia. Vou seguir :)

Anuska disse...

Bom fim de semana por esse rio afora

~*Rebeca e Jota Cê *~ disse...

E quem é apaixonado agradece!

até mais.

Jota Cê

Clara disse...

Como vc escreve bem hein ! gosto de ler esse tipo de texto sem frescuras e sem amarras...liberdade nas palavras.
beijo

A Madrasta Má disse...

Que isso hein... cada dia seus textos ficam metaforicamente fantásticos, o que tenho a dizer? somente agradecer por compartilhar essa maravilha conosco! Bjinhos da Madrasta!

Silvia disse...

-escreves tão bem

jonel disse...

olá!
vi no blog de uma amiga apenas duas frases que bastaram para me empurrar para aqui com a curiosidade do que apreendi. Li este teu primeiro texto com toda a atenção.
costumo fazer coments tipo testamento, mas desta vez quero apenas deixar-me levar pelas aguas escritas e beber toda a magia deste teu rio deste teu texto.

Se me deixares continuarei a passar por aqui pois sinto-me em paz...

Tbm tnho este blog e se kisers um dia aparece por lá

thesoul-feelings-dreams.blogs,sapo.pt/

jorge d'alte

Moni disse...

olá.. adorei o texto.. eu estou tentand ser assim como o rio! Estou de volta viu? bjks

Rita da Maçaroca disse...

Gostei muito... :)
A natureza é sempre uma boa forma de exprimir os sentimentos que nos invadem o peito ou imaginamos na mente :)

Aislin Nahimana disse...

Intensidade, corpo a corpo, belo!

bjosss!


aislinnahimana.blogger.com.br

Sonhadora disse...

Como sempre belo texto.
Gostei muito
Beijinhos
Sonhadora

HELENA AFONSO disse...

BELISSIMO, estive ausente e estou contente de regressare ler estes belos textos e partilhar as emoçoes com pessoas assim......
Acabei de colocar no meu blog o texto e fotos da minha ultima viagem, aguardo sua visita,
bjº HELENA

angela disse...

Ai que delicia estar assim nas águas do rio da vida, nadar com a força da alma e finalmente deixar que ele te leve para as areias.
beijos

Sanzinha disse...

Pois é, querido.
Às vezes precisamos mudar, mesmo sem querer. Que a mudança traga o sossego! rsrs

Ótimo fim de semana pra ti.

Beijo grande!

Encanto do Amar disse...

nas palavras escorrem sensações que desaguam na boca sedenta.

A saudade leva sempre palavras inquietantes na Alma.

deixe que a Alma encontre esse porto de encanto azul como as aguas do teu amar.

Bjo!

Livinha disse...

Quantos braços não seguimos naturalmente, até o deleite dos rios, vale a pena as braçadas, até se dar ao mergulho...

Bjss

- jezebel disse...

Tenho um miminho para ti :)
www.ruelascruzadas.blogspot.com

Graça Pires disse...

Como um rio que corre através das emoções.
Beijos.

Maria João disse...

Descobri o Twitter e vais-me lá encontrar a perseguir-te. Fica aqui o aviso!
E já agora, como estou em estado natalicio, ofereci-te um presente, vai lá ao blog.

neide disse...

Como um rio vim na calmaria lhe desejar um final de semana abençoado.

Bjss

Bandys disse...

Lindo demais um mergulho sobre o corpo e os poros.

Beijos

Maria Ribeiro disse...

MAGIA... sensualidade à flor da pele, subtil, elegante... Não pode ser "folha de árvore amarelecida" quem ama desta maneira...
BEIJO DE LUSIBERO

anabelarmina disse...

Sinto a força do teu querer, como se quisesses meu corpo ser. Sinto a transparência do teu olhar que no meu vem adormecer.
beijo

Babih Xavier disse...

Aah que lindo o texto
um descanso para a mente de quem lê \o

Lily Quel disse...

Bem bucólico, ao mesmo tempo que traz uma impressão de contato entre vidas, como a natureza transbordando suas emoções de todas as formas. Gostei, relaxante!

"Peace, love and empathy"

Elaine Barnes disse...

Olá! Estou tentando fluir nesse romantismo fantastico e encontrar alguém para mergulhar. Lindo demais! Bem, Espero que venha ao aniversário do blog, fiz uma pequena citação e tb está na árvore "bloguealógica" foi a maneira que encontrei de retribuir a amizade. bjs

Mónica disse...

Gostei imenso. Continua com o excelente trabalho :)